Quem foram as melindrosas?

Furor da década de 20 foi marcado pelas moças de saias "curtas", cabelos curtos em estilo chanel, se maquiavam exageradamente, bebiam e fumavam em público, dirigiam e viviam a liberdade feminina como nunca antes vivido até então.

Melindrosas - cerca de 1923

Subversivas e donas de si, as melindrosas definitivamente desafiavam as convenções. Eram jovens que aboliram as saias longas e principalmente o espartilho. A mulher entrava no mercado de trabalho, expunha suas opiniões e deixava seus calcanhares à mostra, como símbolo de liberdade sexual.

Parte deste comportamento se deve ao liberalismo pós 1º Guerra Mundial e à cultura musical da época, o jazz.



Os cabelos curtos à la garconne, hoje popularmente conhecidos como Chanel, sendo lisos ou em leves ondulados, eram usados com chapéu cloche, o chapéu sino, enterrado na cabeça, fazendo com que elas andassem com a cabeça erguida e nariz levemente empinado, dando um certo ar blasé. Exibiam muitas joias como colares de pérolas e muitos acessórios como broches, anéis e pulseiras em Art Déco.

A pele clara ou levemente bronzeada sugeria uma vida de luxo e lazer, que não precisava trabalhar.





A maquiagem pesada era reflexo do cinema, em especial a atriz precursora dessa maneira de se pintar: Polaire, que já se maquiava assim no período vitoriano.


Um dos motivos para essa maquiagem ser mais carregada que a habitual da década passada, foi a popularização do cinema. Com a iluminação forte nos sets de filmagem, as atrizes se viam de certa forma obrigadas a usar maquiagens mais marcantes, a fim de poder melhor captar as suas reações e atuações nas filmagens.



O nome "melindrosa" vem da palavra melindre, que significa algo que causa constrangimento ou vergonha, que no caso se referia ao comportamento emancipado dessas mulheres. elas seguiam e ditaram moda, consumindo as melhores tenências. Eram mulheres que queriam (e conseguiram) revolucionar com seus trajes e trejeitos.


Para dançar provocativamente o jazz, elas usavam um sapato estilo Mary Jane, popularmente conhecido como sapato boneca (aqui nós contamos um pouco sobre esse estilo de sapato, que foi febre na década de 60).

Esse tipo de sapato tinha um salto médio e era afivelado com tiras no tornozelo e no peito do pé. Isso trazia mais segurança para dançar, assim o sapato não saia do pé. Ou mais dramático ainda: ele poderia, no ritmo desenfreado, sair voando. Os sapatos 20 anos tem características muito peculiares e são considerados hoje modelos clássicos, com inúmeras peças repaginadas, se tornando um item elegante e contemporâneo.


As melindrosas se tornaram populares na época e são referência quando os anos 20 vêm à nossa mente.

Mas apesar de todo esse glamour e popularidade durante os anos loucos, elas desapareceram depois da queda da bolsa de valores de Nova York em 1929, tendo que adaptar seu novo padrão de vida mais baixo, devido a crise que assolou a década de 30 e depois, com o baque da segunda guerra mundial, na década de 40.

Sandália Flapper - Sapatos inspirados na década de 20

Melindrosa Moderna


A inspiração na década marcada pelo glamour, liberdade feminina, jazz e muita festa, se traduz em dois novos modelos da Sugoi: Flapper e Sirena. Cheios de estilo Art Déco, charmosos como uma melindrosa e totalmente atemporais.😍 Para dar um toque retrô na tendência atual, apostamos em uma composição autêntica na criação, com desenhos estilizados, formando assim um contraste único, resultando num sapato cheio de personalidade. Tudo isso pintado à mão.


Sapatilha Sirena - Estilo Art Déco 1920

Crie um look único, sendo noiva ou não, apostando num sapato cheio de história e conduza seus passos diretamente à magia efervescente dos anos 20. Sapatos personalizados com essência e muito significado.

A Sugoi shoes envia para todo o Brasil.

Conheça mais os modelos abaixo:


Sapato de noiva

Sapatos retrô

Sapatos anos 20

Sapatos de noiva personalizados

Sapatos personalizados para casamento

Noiva retrô

Comprar sapatos personalizados

Sapatos personalizados curitiba

253 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo